O container já encheu

domingo, 27 de março de 2011

Eu não tenho vergonha de falar as coisas que penso. Assim como sempre apoie e apóio a administração do presidente Zunino, também tenho toda a liberdade de dizer que a condução das coisas está equivocadíssima.


Sinceramente, não consigo ficar puto (pô, será que falar puto pode?). A situação é tão patética que não dá para ficar irritado, mesmo com todos os vexames deste ano. O último, o de domingo sofrido pelo JEC foi mais um, de tantos que já vivenciamos desde janeiro. Culpa de quem? Ah, tô de saco cheio para dizer que foi a diretoria, insensível aos clamores de torcedores que querem uma reviravolta. A inércia tomou conta dentro dos murinhos atijolados da Ressacada.

Trazer Silas de volta e apostar num tanso perdão evangélico foi apenas a cereja do bolo num ano de patacoadas. Não consigo achar adjetivos bonitos, decentes, que nos encha de orgulho. São desastres e vexames a cada rodada. Mesmo naquelas partidas onde vencemos, saímos do estádio com a sensação de que havia alguma coisa errada. Precisávamos de óculos pra ver um filme que não era em 3-D.

É bom dizer que não estou aqui para fazer cornetagem. Estou a anos-luz de ser um corneteiro. Estou apenas e tão-somente analisando a situação, o que se apresenta, o que nos mostraram até agora. Ou o que não mostraram. Se algum imbecil achar coisas boas em qualquer momento por aí no Avaí, me diga. Aponte. Mostre onde está. Eu suplico por uma notícia boa, pois até agora, em Março de 2011, a vergonha em meu coração avaiano só aumenta.

Houve, por aí, uma história de que éramos bons no papel. Que papel, cara-pálida? Papel é feito pra escrever, pra embrulhar pão, peixe. Alguns até usam para serviços higiênicos. Mas pra jogar, nunca vi. Portanto, o time do Avaí deste ano é ruim de dar dó e chega desse troço de “no papel dá um banho”.

Ah, também surgiu aí uma conversa de que “estamos evoluindo”. Eu aprendi na minha Biologia, que evolução é tudo que se modifica, se transforma. Talvez a evolução seja a transformação de uma coisa construída há anos, um processo de estruturação e organização de 1º. Mundo colocada nas mãos de juvenis. No futebol, desde a metade do ano passado, fomos um desastre.

Espero, apenas, que uma luz destas dos deuses espalhados por aí surja na Ressacada e decida que no banco de reservas alguém seja verdadeiramente um técnico de time e não de suas vaidades, ou de suas bíblias. Eu estou farto disso.

8 comentários:

  1. dgotma disse...:

    Alexandre, disse Silas uma vez:

    - Preciso extrair o melhor dos jogadores, não posso limitar o espaço de jogo,etc...

    Ora bolas, se o cidadão nos fala isso, por que Estrada está no banco ? Por que Gustavo ainda joga ? Por quê três zagueiros, e muitos outros porques nós ainda temos. Estamos em fins de março e o time ainda não ganhou uma cara, uma identidade, somos igual mulhe de malandro que apanha quando não precisa e recebe carinho quando não deve. Notícia boa te dou uma, o Verdini Saiu, VIVA ? Não foi tarde, nosso Presidente precisa dar a famosa porretada na mesa e dizer que no time joga quem está bem, e não quem o pseudocapitão escala...A época do tapinha nas costas já passou, agora é resultado !

  1. Concordo plenamente. Mas quando é que vem essa "porrada na mesa"? O campeonato já acabou. Agora é o Ipatinga e jogando assim vamos tomar uma biabada. O negócio, agora, não é nem mais torcer para se classificar, mas é torcer para não ter outro vexame.

  1. dgotma disse...:

    Também concordo plenamente, O Zuzu está sonolento, espero que esta porretada não venha tarde demais. Me lembro ano passado contra o Goiás, podíamos ter chego nas semi-finas e perdemos em casa para o rebaixado Goias. O time além das pontes está com problemas para o clássico, mas acredito que seja apenas mistério. Planos e cálculos para os próximos jogos não são atividades que combinam, mas sim roer unhas e tomaruma cerveja para acalmar os ânimos. No mais é esperar as surpresas que o nosso time nos guarda ! Eu gostaria de ver Marquinhos e Estrada no meio, e o Capitão Marcinho Guerreiro, tudo isso combinado com dois zagueiros e um novo goleiro, e vc ?

  1. É fácil perceber que o Avaí tem um buraco no meio (sem trocadilhos). Marcinho está sobrecarregado e Marquinhos está sempre procuradno fazer tabelas e não vê um companheiro. O Cantor de bolero do Maré Alta, o Diogo Orlando, é um cone. É um Marcus Winicius glamourizado. Portanto, a solução tá no banco. Um meia avançado (Estrada) e um volante clássico (Fabiano). Joga com dois zagueiros, com o Gustavo recuado e ocupando o espaço do Marquinhos na ala direita. E o Marquinhos servindo as arrancadas do Rafael Coelho, enquanto que o Estrada tabela com o Uilhã. Na ala direita ainda dá pra colocar o Marquinhos Gabriel, fazendo um 3-4-3. Opções têm. Basta a mula querer.

  1. dgotma disse...:

    rsrs
    Esse é o maior problema, mas vamos esperar para ver as consequências do jogo de quarta e do temido clássico, sim temido, pois na batida que nosso time vem fico com pé atras para tudo.

    No mais é torcer para o zuzu reunir o time na segunda e puxar a responsabilidade do time, pois se continuarmos neste marasmo o final do filme todos sabemos ! Começo a pensar que o tal fato novo deve ser criado, e quando digo isto estou falando da peçinha que fica na casamata !

  1. alameda1976 disse...:

    Taí. O teu último comentário diz tudo! O Avaí era para estar jogando no 3-4-3 e tem jogadores no elenco para isso. Com Estrada e Marquinhos juntos. E para não sofrermos no Campeonato Brasileiro, urgente um zagueiro que ganhe nas bolas aéreas! Afinal, é inadmissível alguns gols que o Avaí tem tomado!!!

  1. Com certeza, Gilberto. Tá na hora de um subtituto à altura (nos dois sentidos ) pro Émerson. Ele está fazendo o bicho no Coritiba. E os nossos estão fazendo o terror da torcida.

  1. Anônimo disse...:

    A TRILOGIA DO "PECADO" AVAIANO ESTE ANO:
    1. - A DIRETORIA COM ESTE SEU planeJUMENTO/AVAÍ/2011;
    2. - O "TÉNICO" COM SUA DESCABIDA E INSANA -TEIMOSIA-;
    3. - ALGUNS "ATRETAS" QUE DORMEM EM CAMPO, ATUAM QUANDO QUEREM E OUTROS QUE NEM POR PERTO DO A.R.S. PODERIAM PASSAR.

    RICA - JÚLIO RICHARD CÂMARA.

    E.T. - ALGUMAS RENOVAÇÕES E OUTRAS CONTRATAÇÕES EQUIVOCADAS. QUER RAPIDINHO (SEM GRANDES RACIOCÍNIOS) ALGUNS EXEMPLOS:
    1. - RENOVAR COM: PARÁ, GUSTAVO, DIOGO ORLANDO, EMERSON NUNES, BATISTA, BRUNO;
    2. - AS CONTRATAÇÕES: GIAN, LEONARDO, FELIPE, ACLEISSON, ROMANO, ARTHURO...COMO DISSE SEM GRANDES RACIOCÍNIOS. TEM MAIS GENTE AINDA...

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets