A parte que nos cabe nesse minifúndio

terça-feira, 21 de junho de 2011

Ser torcedor de futebol é uma lástima. Quando mais se quer, o time da gente dá vexame e quando menos se espera vem uma boa fase. Isso é assim na maioria esmagadora dos times de futebol pelo mundo afora. Até porque apenas um é campeão em cada campeonato e o resto fica chupando dedo. Alguns são rebaixados, enquanto outros ganham acesso, nessa eterna ciranda que é este esporte maluco. Desilusões para os perdedores e louros para os vencedores.

Não pense alguém que vou colocar aqui o velho e surrado discurso do "futebol é assim mesmo", "faz paiirrrte", ou então aquele medíocre "a torcida vai fazer a sua parte". Claro que não, isso é para os outros. Os outros times é que passam por dificuldades, o nosso, não. Nunca.

Ora, somos torcedores de um time de futebol, que agora está na pindaiba. A maioria dos problemas apontados neste ano estão na fórmula falta de dinheiro + erros administrativos = má fase. E isso é assim em dez dentre onze clubes de futebol no mundo. O problema é que a gente não quer ver isso acontecendo com a gente.

Não me importa se há um clube na Indonésia cujo time está sendo rebaixado no campeonato, pela simples razão de o seu presidente ter deixado a peteca cair. Ou se aquele time da Polônia está perdendo todas por haver em seu departamento de futebol gente mais vaidosa do que compentente. Não quero nem saber, quero que se danem. Mas o meu time é que não pode cair. Eu torço é para o Avaí e não para o Pererequinha Futebol Clube.

Por isso é que eu vou ao estádio. A parte que me deram para ficar ali, na Ressacada, é meu minifundio e é dali que vou querer tentar mudar esse quadro. Não posso mais que isso. Mesmo que meu blog, junto aos demais da blogosfera avaiana, faça parte de uma massa crítica que exige, aplaude e esbraveja, mesmo que as redes sociais peçam cabeças e pescoços, ainda que toda a mídia faça papel de boba-pegada-com-as-calças-arriadas apontando todos os nossos defeitos, os reais e os imaginários, vou continuar torcendo e indo ao estádio.

Sou talhado para isso, para torcer. A razão eu já perdi há muito tempo.

3 comentários:

  1. Keller disse...:

    Alexandre,
    apesar de sabermos que a coisa tá feia, não é hora de abandonarmos ou desagregarmos nós mesmos. Infelizmente alguns gostam de fazer o contrário. Tô contigo Avaê!
    Peter.

  1. Peter, se até o torcedor abandonar o Avaí, então ele não teria mais razão de existir.

  1. Nossa torcida é calejada, sofre (Tô falando do verdadeiro torcedor hein!), mas não desiste! Tamo Junto Leão!!!!!!!!!

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets