Apenas refletindo, by André Tarnowsky

sábado, 16 de julho de 2011

Meu amigo e camarada André Tarnowsky se superou, o que não é muito difícil para aquela cabecinha privilegiada. Mas o BDA de hoje, dia 16 de julho de 2011, trouxe uma nota que é para ser guardada. E que sirva de ensinamento para quem precisar.



Nesse emaranhado de coisas, pouco ligadas diretamente às quatro linhas do campo, acabei caindo onde já se esperava: uma profunda decepção com esse quadro geral estabelecido na Ressacada, com requintes de cooptação, de quem sempre se mostrou independente.
Não quero e não preciso que alguém concorde comigo. Todavia, lugar de vaca de presépio tem seu lugar e momento de acontecer. Creio que os desatinos ocorridos no interior do nosso belo reduto, somados aos interesses particulares de alguns, macularam por completo toda uma administração de sucesso ao longo dos últimos anos.
Lembro, ainda que rapidamente, de algumas palavras da Martin Luther King, pastor protestante e ativista político americano:
“O que mais preocupa não é o grito dos violentosnem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons.”
Pior que isso, ainda explorando o discurso de M.L.King, será a parte final dessetsunami anunciado pelo próprio presidente do nosso Avaí Futebol Clube, semanas atrás:
“No final, não nos lembraremos das palavras dos nossos inimigos, mas do silêncio dos nossos amigos.”
De uma coisa tenho certeza: continuarei avaiano, independente de série, continuarei associado ao clube. Salvo melhor juízo, minha cadeira estará lá, esperando minha presença. Não dependo de sorrisos fáceis, nem de tapinhas nas costas para demonstrar maior afinidade com A, B ou C. O Avaí sempre foi maior do que os oportunistas de plantão puderam imaginar...

1 comentários:

  1. Serjão disse...:

    Aguiar...Em consideração a esse blog estou transcrevendo o que já havia escrito no blog do André (BDA). Minha filosofia de vida é... ”Se não for para ajudar, não atrapalhe”. Torço pela equidade social e que a voz do povo ou do torcedor tenha valor. Infelizmente nossos políticos e dirigentes pensam o contrario. Não tenho mais estomago e não estou mais suportando tanto safadeza (teatro, para não dizer outra coisa), baba ovos, vaca de presépio e vaidades pessoais. Quem tem estomago que continue. Escrevo com emoção e sem revisão, detesto bons de ortografia e ruim de cabeça.
    "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto." – Rui Barbosa Senado Federal. Rio de Janeiro, DF.
    Não sou o dono da verdade, mas procuro ser verdadeiro.
    A idéia de reunir a galera Avaiana e salutar, portanto continuarem entre amigos. Mas com relação a comentários públicos, vou dar um tempo. Nesse momento vergonhoso e angustiante em que estamos vivendo. Enquanto nos torcedores ficamos nos gladiando a caravana da irresponsabilidade e impunidade segue em frente. Futebol e política estão muito parecidos, estou enjoado com a política e decepcionado com futebol. Nunca gostei de política partidária, agora passei a gostar muito menos. Ates que me “plastifiquem” vire fantoche, ou faça afastar do meu time de coração. Dou um tempo. Um até breve. Valeu!

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets