Não há milagres

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Há muita gente desistindo do Avaí. Leio e ouço uma debandada geral, de alguns até bem fiéis, que no passado sofriam com o Leão. Não vou culpá-los. Aquela parcela de gota d'água que falta para encher um copo já atingiu o máximo. Independe se é um copo rasinho ou um jarrão, mas a cota foi atingida. Eu, de minha parte, não consigo me afastar.

Não dá para me imaginar em casa, num domingo à tarde, mesmo com chuva ou sol escaldante, e o Avaí jogando. Só se estiver doente. Por isso, neste domingo estarei na Ressacada sofrendo, apanhando ou clamando por uma vitoriasinha.

Não dá para ser diferente. É para este clube que eu torço. Não vou chamar por santos, virgens imaculadas, bruxos de encruzilhadas ou por milagres. Isso não existe. O que existe, em qualquer atividade humana, são as pessoas serem responsáveis por seus atos.

Há muitos boatos rondando a Ressacada, cada teoria uma mais estapafúrdia que a outra. Cada notícia ruim é desmentida ou ignorada no momento seguinte. O que prova isso tudo é que, ao que parece, a Instituição Avaí Futebol Clube está sem comando. Tanto é que ninguém mais se entende. E o buraco fica a cada rodada mais profundo.

A única verdade que se percebe é que o Avaí, para sair dessa, tem que começar uma campanha de campeão. Jogar, agora, cada jogo como se fosse disputar um título. O Avaí está na condição de acesso à série A, ou seja, jogar tudo e mais alguma coisa para subir. Para isso precisa que as coisas serenem dentro dos corredores de tijolinhos à vista, que algumas vaidades sejam postas de lado, e que os jogadores comecem a trabalhar duro e pesado, como um agrupametno do BOPE. E que a torcida compareça.

É fácil? Não, praticamente um fardo que todos nós teremos que carregar, mesmo quem já desistiu.

Nosso amigo Marcelo Herondino usou uma frase que vou expor aqui, cuja verdade é muito grande:

Jogador de futebol hoje é que nem puta: você paga para vê-los em ação, nem sempre conseguem te dar o prazer que prometeram e que esperavas, e logo chega um com mais dinheiro e leva.  

Pois, é para um amontoado de putas que vamos torcer. Não há outra saída, não tem café frio, as soluções são óbvias, a Ressacada é grande e a jabulani quica. O desânimo já se abateu sobre muita gente. Alguns trocaram isso por revolta. E outros já nem querem mais tomar conhecimento. Os que continuam, os últimos a apagar a luz, imaginam que um milagre ocorrerá, coisa que eu tenho todas as dúvidas.

A única coisa que me garante certeza nisso tudo é que continuarei indo à Ressacada. É para o clube que torço, repito. Ainda que muita gente queria acabar com ele, não vou arredar o pé. Até porque eu já sei onde fica o interruptor mesmo.

5 comentários:

  1. Adriano Assis disse...:

    Alexandre,estamos todos anestesiados com a nossa letargia (time e torcida), precisamos de um bom desfibrilador quem sabe baixa o Tolima no Avaí e quebra o time paulista... Já pensou...

  1. Adriano, meu camarada, isso é difícil. Claro que não é impossível.
    Mas, por outro lado, se o Avaí quer alguma coisa na vida, tá na hora de mostrar algum valor. Deixar pra depois é que não dá mais.

  1. Beto_Gabira disse...:

    Valor ? isso é difícil eles tão tomando conta que é pra não mostrar(direção)
    e digo mas se o Galo Burro não sai, logo logo assumiremos a lanterna. a série B esta bem próxima, não sou pessimista não, sou realista.

  1. sergio araujo disse...:

    Aguiar,é um puteiro estilo Bokarra.......todo final de semana tem puta estreando.
    Grande abraço.

  1. Serjão disse...:

    Aguiar... Torcer até o ultimo segundo de jogo e coisa de Avaianos, continuarei a indo à Ressacada, mesmo com Gallo de técnico e Daniel na lateral. Gallo já não era meu preferido, depois do desempenho pífio do time e a bagunça técnica e tática que tem apresentado, sou, mas que contrate com urgência Ovelha. Esse não contraria Daniel e trazia no mínimo um zagueiro descente e faria o time limitado ter vergonha na cara. Coisa que nem para isso Gallo serve. Estava comentando com o Andre, o jogo contra o fraco “misto do Botafogo” era para nos reabilitar, tudo estava a nosso favor. Mas uma vez não fizemos a nossa parte, resultado estamos nocauteado, mas ainda de pé. Se até o fim do primeiro turno não atingirmos 20 pontos, no segundo turno com os times nos cascos não sairemos do Z4 e com certeza seremos um dos candidatos ao vexame do Brasileirão 2011. Com uma "comunidade" enorme de diretores é inadmissível não ter nutricionista e demais profissionais médicos que faça o "porquinho alvinegro" entrar em forma. Sinceramente RC é outro que esta me decepcionando, tudo bem que é alvinegro, mas no mínimo devia ser profissional e pensar em sua carreira mostrando futebol e não sendo exemplo de jogador relapso. De relapso já tivemos um que esquentava o banco no Santos e agora Grêmio, aqui foi tratado como ídolo decepcionando uma geração de Avaianos. Torcer, torcer, torcer...até morrer.

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets