Os anéis estão indo...

quarta-feira, 1 de junho de 2011

... e ficando os dedos.


É nítido o processo de desmanche que ocorre na Ressacada. Não há como esconder. E estamos enfraquecendo nosso elenco por conta pura e simplesmente dos negócios que envolvem o futebol.

O futebol moderno é um tipo de atividade que gira em torno do dinheiro. Só um sujeito muito tanso para não ficar rico com o futebol. De jogadores a treinadores, passando por preparadores físicos e dirigentes de todos os tipos e funções, cada qual em seu quadrado leva algum nesta atividade. E não há mal algum nisso. Ficar rico, principalmente quando se tem competência e ainda quando for de uma maneira honesta, é o principal objetivo do sistema capitalista, a acumulação de renda.

O problema é o entorno disso. As explorações, seja de trabalhadores numa empresa, seja de torcedores no futebol. Sim, que ninguém se engane também, e vamos falar bem sério. O torcedor é aquela parcela do futebol que dá respaldo e possibilidades para que jogadores e dirigentes, e até jornalistas, fiquem ricos. Todos os negócios, no âmbito deste esporte, dependem sumariamente do torcedor. Ora, no futebol moderno, torcedor é consumidor. E estamos conversados.

Nessa matemática, enfraquecer um time para manter um processo de enriquecimento, é burrice. E por uma razão bem simples: time fraco não atrai torcida. Um time de dedos sem anéis, além de ser sério candidato ao fracasso e a um rebaixamento, afasta os torcedores.

Mas no caso da Ressacada ainda há um fenômeno interessante, uma vez que por lá frequentemente se recorre ao choro e às lágrimas dos que ainda acreditam. E a derreal qualquer um acredita, né, mermo?
 
Portanto, fortalecer os grandes do futebol nacional, que serão nossos adversários nas próximas rodadas, não dar a mínina para o que pensa o torcedor, submeter toda uma história e tradição a vexames apoteóticos é o que menos importa. Afinal, quando tudo estiver se encaminhando para o abismo sem fundo, qualquer promoçãozinha de ingressos traz de volta aqueles que nunca abandonam sua paixão. E tudo termina epicamente com choros, palpitações, frases de efeito, com direito à procissão de joelhos pelo gramado.
 
Claro, isso se nenhum DEDO fizer gol contra.

2 comentários:

  1. Também estou preocupado com esse desmanche, Aguiar. Se levarem William, Estrada e Julinho, aí a situação fica feia mesmo. Só gostaria de ver os reforços, pois até agora não vi nada, anão ser o Ken (namorado da Barbie), que dizem que fez 3 gols em 20 e poucos jogos... e tão dizendo que ele vai substituir o Marquinhos... Tô com medo! mas, nem por isso vou deixar de ir a Ressacada ou ficar vaiando esse ou outro jogador. A vida segue! Hoje na minha coluna (que xique!) lá no blog http://elasgostamdefutebol.blogspot.com/ ainda falei sobre isso!

  1. Eron disse...:

    Se vacilarem os dedos também vão!
    Eron

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets