Mais uma da Granja

sábado, 3 de setembro de 2011


Os bichos-cricri da famosa Granja Comigo Boi Não Dança, mais conhecida pelas iniciais CBN-D, a Raposa Felpuda, maledicente e ardilosa, o Sapo Duende, encrenqueiro e eterno inconformado, o Bode Espanhol, velho, muito velho e carcomido, o Ratão do Banhado, que não deu certo em lugar algum e acabou dando na Granja e o Morcego Moicano, que posa de intelectual pra fazer gênero estavam alegres e saltitantes. Afinal, o sol na Granja havia voltado. O Leão do Circo do Deba estava de pé e o fazendeiro da Granja do Vizinho vendia seus brócolis aos trambulhões. Porém, nem todos estavam felizes. O Sapo Duende voltou-se para o Ratão, babando em meio a soluços incontidos.
- Que houve, meu caro? O que te deprime? – perguntou, solícito o Ratão.
- Ah, Ratão! – respondeu, limpando a baba que escorria até a orelha. – Eu tô muito preocupado com o Leão, sabe.
- Mas por que? O que te aflige? – o Ratão o consolava. – Parece que o Leão do Circo do Deba já respira bem e caminha com força.
- Exatamente isso! Pô, esse Leão não cai nunca. Tá sempre fazendo coisa errada e volta e meia está de pé. O, bicho difícil!
- Ora! Até parece que tu estás querendo a queda do Leão. – esbravejou o Bode Espanhol.
- Eu? Imagina. Quero o bem de todo mundo. – disse, cinicamente, o Sapo.
- Falso! – largou a Raposa Felpuda.
- Mas sabes que eu também tô com essa sensação ruim? – argumentou o Ratão. – Esse Leão é paparicado por todo mundo. Mas repara que as patadas dele são ilegais. Ele é sempre favorecido. Será que só eu vejo isso?
- Rapazes! – antecipou-se a Raposa. – Souberam da maior? Dizem que o Leão andou dando umas patadas nas hortaliças da Granja do Vizinho. E aproveitou para derrubar uns urubus de cima da cerca, e que viviam inticando com todo mundo que passava. É verdade?
- É por isso a minha revolta. – confessou o Ratão.
- E, afinal, o que era que o Leão tinha? – quis saber a Raposa.
- Olha, chegou aqui a informação que estavam dando remédio pra pulgas. – informou o Morcego Moicano.
- E o que é que as pulgas tinham? – argüiu o Bode.
- Não, não as pulgas. Era o Leão. Ah, deixa pra lá. – conformou-se o Morcego Moicano.
- O dono do sindicato dos circos andou aprontando, vocês viram? – alertou o Ratão.
- É mesmo? E o que foi que ele fez agora? – duvidou a Raposa.
- Disse que era proibido dizer o nome dele dentro do circo, pois o palhaço poderia confundir e pensar que era com ele. – constatou o Ratão.
- Esse sujeito está há tanto tempo à frente dos sindicatos, né. – constatou o Bode.
- Pois é, dizem que certa vez ele tentou acender o micro-ondas, o troço pegou fogo e aí surgiu o Big-Bang. – cientificou o Ratão.
- Eu sei que ele foi padrinho de casamento de Adão e Eva. – informou o Morcego. – E  a partir do próximo ano vai começar a medir a sua idade por carbono 14.
- Ah, e os cientistas estão usando as chepas de seu charuto pra medir a idade da Terra. Pode? – inconformou-se o Ratão.
- Ele é muito velho, né? – decretou o Bode.
- Bom, rapazes! – aliviou a Raposa. – Deixem o homem trabalhando por lá. Afinal, é nosso amigo e não podemos incomodá-lo.
- Tens razão! – concordou  o Bode.
- E enquanto isso vamos esperar que ele e o pitbull comedor de brócolis estraguem a festa no Circo do Deba mais uma vez. – sentenciou o Ratão.
- Que ódio, hein! – atestou o bode.
- Não, é apenas precaução. – finalizou o Ratão.

2 comentários:

  1. hehehe sensacional! Eles não aprendem nunca!!!
    Hoje, se Deus quiser, traremos mais uma vitória!!!

    Vai Prá Cima Deles Leão!!!

  1. Serjão Jr disse...:

    Tem coisa que não combinam, Acleison-Diogo Orlando, Romano-Dirceu-Arlan junto jamais. A lamentar o primeiro jogo de Toninho frente ao Avaí, repetiu todos os erros de seus antecessores. Uma lastima. Contra o Santos saberemos qual é o verdadeiro Avaí. Aquele time disciplinado aguerrido e vencedor das duas primeiras rodadas nas mão de Betinho, ou esse Avaí sonolento de Toninho do jogo contra o fraco Atlético MG?

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets