O Monge

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Conta-se que numa região do Tibet um velho monge ia com seus discípulos por uma estrada e, quando passaram por uma ponte, avistaram um escorpião sendo arrastado pelas águas do rio. Imediatamente o ancião correu até a margem, entrou na água e retirou o bichinho da correnteza. Assim que chegaram à margem o escorpião o picou. Por causa da dor, ele deixou o animal cair novamente no rio. O velho monge correu até uma mata próxima, pegou um ramo de árvore, foi até o rio e retirou novamente o escorpião das correntezas, salvando a vida do animal.


Seus discípulos correram até ele, perplexos à cena que assistiram e um deles comentou:

- Mestre, como pode salvar um bicho que o envenenou? Eu o teria deixado que se afogasse, que caisse. Era um animal perigoso a menos. Ele o picou e não merecia a sua compaixão.

O monge o olhou sorridente e respondeu:

- Eu jamais deixaria uma criatura que precisasse de mim se perder. Ele agiu com a sua natureza e eu com a minha.

Fonte: de uma lenda do Himalaia.

2 comentários:

  1. Yan disse...:

    Gostei, continuo acreditando, se vencermos o bahia eu quero ver essa raça de descrentes, mudar de agua para o vinho, mesmo rebaixado não vou abandonar, muitos escorpiões ja passaram e ainda estão por aqui...

  1. É verdade Yan ! os verdadeiros torcedores vão até o fim. E se o Leão cair, continuarão indo ao estádio e apoiando, até o Leão voltar a elite novamente.
    Mas, sinceramente, acredito que vamos permanecer na elite!!!

Postar um comentário

Os comentários aqui postados sofrerão moderação. Anônimos serão deletados, sem dó, nem piedade.
Não serão aceitos comentários grosseiros com palavrões, xingamentos, denúncias, acusações inverídicas ou sem comprovação e bate-bocas.
Não pese a mão. A crítica deve ser educada e polida.

 
Força Azurra © 2011 | Designed by VPS Hosts, in collaboration with Call of Duty Modern Warfare 3, Jason Aldean Tour and Sister Act Tickets